Cidades

Abertos até às 19h, mercados lotam em Cuiabá; bares e restaurantes já se adequam

Decreto do Governo do Estado impede abertura de qualquer atividade comercial não essencial após às 19h00

Da Redação

Com decreto determinando o fechamento às 19h00, supermercados de Cuiabá tem registrado grande movimento no início da noite. Alguns registram filas gigantescas entre após às 18h, período em que a maioria dos trabalhadores deixam suas atividades laborais.

Com apenas uma hora para fazer as compras, eles superlotarakmos mercados para fazer a compra. Por conta disso, prefeitos de diversas cidades do Estado chegaram a pedir para o Governo rever o funcionamento dos supermercados, considerado serviço essencial.

Muitos afirmam que o fechamento às 19 horas irá causar o “efeito contrário” do desejado e causar aglomerações, facilitando assim o contágio do novo coronavírus. Inclusive, na reclamação impetrada no STF (Supremo Tribunal Federal) para fazer valer seu decreto, a prefeitura de Cuiabá citou essa questão.

“Na determinação de medidas restritivas sem qualquer estudo técnico/científico, colocando em grave risco a saúde pública, bem como a própria economia municipal, posto que as medidas ditadas pelo Estado além de não reduzir o risco de proliferação da doença, impedem o Poder Executivo Municipal de executar sua competência material no âmbito da saúde local. Sem contar a possibilidade de comprometer em maior escala a eficácia de medidas de combate ao COVID-19 na capital do Estado de Mato Grosso, que vem sendo executada ao longo do tempo, de acordo com as avaliações diárias de sua equipe técnica sanitária”, diz a petição da procuradoria do Município, que está sob análise da ministra Carmem Lúcia.

BARES E RESTAURANTES

Se os supermercados estão lotados, bares e restaurantes estão se “reinventando” para cumprir o novo decreto do Governo do Estado. Vários deles estão se adequando ao novo horário imposto pelo Governo para manterem o funcionamento reduzindo a previsão de prejuízos.

Alguns, que funcionavam entre o fim da tarde e o período da noite, passaram a abrir para almoço e encerram o atendimento às 19h00. Também garantem atrações para manter o público.

Após o atendimento no local, alguns ainda mantêm o serviço delivery que, segundo o decreto do Governo, deve ser mantido até às 23h.

 

Leia Também

Menu