Política

“Abílio fala em enxugar gastos, mas não corta nem caneta em gabinete”, critica advogado

Candidato pelo PSL afirma que manterá Secretaria da Mulher

Da Redação

Candidato a prefeito de Cuiabá em chapa pura, Aécio Rodrigues (PSL) falou em entrevista a Capital FM 101.9 sobre as suas propostas quanto ao enxugamento da máquina pública, começando pelas secretarias. Ele defende a ideia de unir algumas pastas, sem a necessidade da extinção.

“Nós não queremos extinguir, e sim unir algumas secretarias que têm o mesmo objetivo, como por exemplo, a Secretaria de Obras com a de Serviços Urbanos. O enxugamento do nosso plano de governo será a longo prazo e com responsabilidade. Não adianta um candidato dizer a população que vai enxugar duas secretarias de uma vez, isso pode até mesmo tirar a eficiência da prefeitura. Ouço adversários falando sobre enxugamento dos gastos públicos e acho engraçado, porque no próprio gabinete não conseguiu enxugar nenhuma caneta Bic. Falar é fácil, o negócio é fazer”, declarou Aécio.

O candidato pelo PSL também defendeu a Secretaria da Mulher, que vem sendo um assunto muito debatido nos últimos dias. Segundo Aécio, o trabalho desta pasta é de extrema importância, especialmente nesse momento em que não há representantes mulheres na Câmara Municipal para ajudar defender temas e projetos de interesse do público feminino.

“Sou contra extinguir a Secretaria da Mulher, principalmente agora que não temos nenhuma representante dentro da Câmara. E onde mais as mulheres estariam representadas? Então por isso existe essa pasta hoje, para que possamos ao menos fazer políticas públicas voltadas a elas”, defendeu o candidato.

Leia Também