Cidades

Acomac/MT marca presença na segunda reunião da CBMC em Brasília

REPRESENTAÇÃO

O presidente da Associação dos Comerciantes de Materiais de Construção de Mato Grosso (Acomac/MT), Fabio Sbeghen, esteve em Brasília na última sexta-feira (23) para reunião da Câmara Brasileira de Materiais de Construção – CBMC. Na ocasião, Sbeghen representou a associação levando as reivindicações do setor de todo o Estado.

A reunião foi realizada na sede da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) em Brasília, onde discutiram, entre outras pautas, o Construcard. A proposta visa disponibilizar, junto à Caixa Econômica Federal opções de crédito para consumidores que buscam financiamento para construir. Com isso, o Construcard fomenta o comércio de materiais de construção.


Foi levantada ainda a questão tributária. Os presentes debateram sobre opções para melhorar o setor, como redução do imposto de renda. O presidente da Acomac/MT, citou a volta do IPI em alguns materiais e sugeriu que fosse feito um estudo sobre o impacto do retorno do IPI para a arrecadação do governo.

“Precisamos saber se houve aumento considerável na arrecadação do governo. Porque pode não ser tão expressivo para o governo, mas para nós é muito importante. Por isso precisamos de um estudo para contrastar o aumento de imposto e os efeitos para nosso setor”, pontuou Sbeghen.

Durante a reunião, a Acomac/MT apresentou também o projeto Cesta Básica da Construção, que se baseia em uma lei do Distrito Federal. “A ideia é uma redução nos valores de materiais básicos como areia, tijolo, telhas… estamos pleiteando isso em Mato Grosso e me coloco à disposição de representantes de outros estados que possuam o mesmo interesse”, conclui Fabio na reunião.

Leia Também