“Carreguei nas costas”, diz Emanuel ao revelar investimento de R$ 1 bilhão na saúde

0
3

Candidato a reeleição, prefeito que conseguiu revolução no setor sem apoio do Estado

Da Redação

Candidato à reeleição pelo Palácio Alencastro, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) defendeu nesta quarta-feira (23), em entrevista coletiva, a continuidade da mudança que sua gestão vem implementando em Cuiabá. Segundo ele, desde o primeiro dia de mandato, tem trabalhado pela melhoria na qualidade de vida da população, nas mais diversificadas áreas, e isso será mostrado durante sua campanha.

“Diferente da maioria dos meus adversários que se ofereceram para o cargo, eu fui convocado por diversos setores para essa disputa. Isso demonstra que a mudança que iniciamos em Cuiabá tem que continuar. Somos defensores de uma Cuiabá moderna, e por isso a colocamos na Agenda 21. Estamos no caminho certo, mas ainda há muita coisa para ser feito”, argumentou Pinheiro.

Pinheiro destacou que um dos maiores orgulhos que carrega é o de ter sido o prefeito que direcionou o maior orçamento da história para a saúde pública da Capital. Segundo ele, em 2020, a área recebeu mais de R$ 1 bilhão, o que corresponde a aproximadamente 32% do montante total do orçamento municipal.

O gestor destacou ainda a entrega do maior hospital de Mato Grosso, o Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) – Dr. Leoni Palma de Carvalho. “A saúde sempre foi nossa maior prioridade e isso está refletido nos investimentos que fizemos. Nunca na história essa área recebeu tantos recursos. E isso foi um trabalho gradativo, que já vinha acontecendo muito antes da pandemia chegar. Entregamos aquele que é o meu grande chamego e símbolo da imponência e poder do cuiabano, que é o HMC. Carregamos a saúde do estado nas costas. Mas essa é uma missão que nos orgulhamos”, pontuou.

Elencando cada um das obras e ações tiradas do papel e colocadas em prática na cidade, o candidato afirmou que, durante a campanha, todos os projetos serão mostrados à população. “Fizemos muitas coisas e outras ainda estão em andamento e logo serão entregues. Tudo isso será mostrado, pois, às vezes, o cidadão está recebendo um benefício e nem faz ideia de que aquilo foi executado pela nossa gestão humanizada”, destacou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui