Cuiabá divulga dados da vacinação contra Covid

Da Redação

O site da campanha “Vacina Cuiabá – sua vida em primeiro lugar” (https://vacina.cuiaba.mt.gov.br/), disponível no portal da Prefeitura de Cuiabá, conta agora com uma nova ferramenta para acompanhamento da população cuiabana: o vacinômetro, um painel que mostra a quantidade de pessoas que já foram vacinadas contra a covid-19, na Capital mato-grossense.

O vacinômetro será atualizado uma vez ao dia, por volta das 9 horas, trazendo os números consolidados até o dia anterior. Nesta terça-feira (26), o vacinômetro mostra que até o dia 25 de janeiro de 2021, 4.134 pessoas foram vacinadas pela Prefeitura de Cuiabá.

Para o prefeito Emanuel Pinheiro, essa é mais uma forma que a sociedade tem de se informar sobre o andamento da campanha de imunização. “Sempre foi uma determinação minha que todo o processo de vacinação contra a Covid-19 em Cuiabá fosse feito da forma mais transparente, mair rigorosa possível, garantindo não só aos órgãos de controle o acesso às informações, mas também à toda a população, até porque esse é um assunto pertinente a todos. Todos estão esperando ansiosamente sura hora de serem vacinados e imunizados contra essa doença que impactou as vidas de todos. Então, poder ver o número de pessoas vacinadas aumentando a cada dia, traz uma esperança a mais para aqueles que estão nessa expectativa”, disse.

No mesmo site em que fica disponível o vacinômetro, também está o link para a realização do pré-cadastro para entrar na fila de vacinação contra a covid-19, que ocorre desde o último dia 20 no Centro de Eventos do Pantanal. Nesta terça-feira (26), o pré-cadastro está suspenso por conta de uma mudança no fluxo de agendamentos, que não estará mais aberto a todos os internautas, mas somente aos responsáveis de cada unidade de saúde que atende pacientes acometidos pela Covid-19 para que uma pessoa faça o cadastro de todos os trabalhadores da saúde do local onde trabalham. Essa é uma medida temporária, que deve perdurar somente nessa fase de vacinação do grupo 1 do plano nacional de imunização, que abrange todos os trabalhadores da saúde (não somente pessoas formadas na área da saúde), independentemente da função que exerçam.