Educação

Educação distribui kits de biossegurança nas unidades escolares

 

A Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, por meio da Superintendência do Sistema Escolar iniciou nesta semana a distribuição de kits com materiais de biossegurança para as unidades escolares do município. A medida adotada visa contribuir para a formação integral dos estudantes da Rede Pública, por meio de ações de prevenção, promoção e atenção à saúde.

Ao todo, 130 kits estão sendo distribuídos para as 86 escolas da Rede Municipal e 44 unidades escolares estaduais. Cada kit é composto por um termômetro digital, 10 garrafas de álcool 70%, 6 frascos de álcool gel e 10 caixas de máscaras descartáveis.

De acordo com a superintendente do Sistema Escolar, Benedita Ponce, os kits foram viabilizados através da parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde e Secretaria Municipal de Educação, por intermédio da Portaria nº 1.857/2020, que aprovou a transferência para atender o Programa Saúde na Escola (PSE).

As entregas estão sendo feitas na sede da Superintendência do Sistema Escolar, no Anexo I da SMECEL, no bairro Aeroporto. Em virtude da pandemia, o agendamento é feito com antecedência para evitar aglomeração, atendendo rigorosamente aos protocolos de biossegurança.

Para a diretora da Escola Estadual Júlio Muller, Rita de Cássia Nepomuceno, os materiais recebidos reforçam as medidas que estão sendo adotadas pela unidade desde o início das atividades em formato híbrido. “Vamos utilizar esse material para cumprir todo o protocolo de biossegurança e garantia à saúde dos profissionais e alunos da unidade”, reforçou.

A diretora do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI), “Joanita Benedita”, Jurema Costa, disse que os materiais serão de grande utilidade no dia a dia para garantir os cuidados e prevenção contra Covid-19. “Nós estamos utilizando os materiais todos os dias para proteger ao máximo nossos alunos, professores e os profissionais que trabalham conosco neste momento de pandemia mundial”, informou.

Já a diretora Denilza de Arruda da CMEI “Ana Izabel”, do bairro Alameda, agradeceu pelo recebimento dos materiais e disse que a escola está atendendo com autorização dos pais, em 50% alunos matriculados. “Os materiais irão auxiliar muito sobre a questão da biossegurança, porque temos uma grande circulação de pais e alunos na escola e todo cuidado na prevenção é importante nesta fase pandêmica”, disse. Atualmente a CMEI Ana Izabel está atendendo cerca de 85 alunos autorizados pelos pais a frequentar a escola na modalidade híbrida.

O secretário de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Silvio Fidelis afirmou que a parceria entre as Secretarias de Educação e de Saúde tem viabilizado várias ações para o enfrentamento à pandemia da Covid-19 no município. “Através dos esforços das duas secretarias, do trabalho do secretário Gonçalo de Barros e da determinação do prefeito Kalil Baracat, estamos conseguindo resultados positivos na luta contra Covid-19, sendo assim, garantindo com responsabilidade o acesso à educação com os protocolos de segurança. Outro avanço na educação de Várzea Grande é a vacinação contra Covid-19 de 100% dos profissionais da educação, com primeira e segunda dose, totalizando cerca de 7 mil profissionais vacinados aptos para atender pais e alunos nas unidades escolares do município ”, pontuou o secretário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Leia Também

Menu