Exportações de carne bovina, suína e aves de MT seguem em alta

0
6
Foto Pixabay

As exportações de carnes bovina, suína e de aves produzidas em Mato Grosso continuam em alta gerando bons resultados para economia regional e brasileira. No período de janeiro a setembro deste ano, o Estado já exportou US$ 1,18 bilhão em carne bovina fresca, resfriada ou congelada, ocupando uma posição de liderança no País com uma participação de 21,9% nas exportações desse produto.

Se comparado apenas o último trimestre que engloba os meses de julho, agosto e setembro de 2020, foram  US$ 421,6 milhões em exportação de carne bovina mato-grossense.

No Brasil, as exportações nesses 9 meses somam 1,2 milhão de toneladas do produto, uma variação positiva de 14,3%. Em valores, isso representa US$ 5,3 milhões, um aumento de 25,4% em relação ao ano passado. O principal comprador da carne brasileira é a China com uma participação de 52,3%. O país asiático importou US$ 2,8 bilhões em carne bovina até setembro deste ano.

Esses números utilizados pelo Sindicato das Indústrias Frigoríficas de Mato Grosso (Sindifrigo-MT) são compilados pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC).

Em relação às exportações de carne suína, Mato Grosso contabiliza US$ 37,8 milhões de janeiro a setembro deste ano, o que representa 2,40% de participação nas exportações brasileiras nesse período. Desse total, US$ 10 milhões foram de exportações realizadas no terceiro semestre de 2020.

O Brasil acumula de janeiro a setembro, US$ 1,572 milhões pelas vendas de 675,2 mil toneladas de carne suína para o exterior. Os principal comprador foi a China, com US$ 897 milhões e uma participação de 57,1%.

No quesito carne de aves e suas miudezas comestíveis, frescas, refrigeradas ou congeladas, Mato Grosso exportou nos 9 meses deste ano US$ 88 milhões. Isso representa uma participação de 2,079% no cenário nacional das exportações nacionais.

Nesse período, o Brasil vendeu para outros países 2,9 milhões de toneladas, o que representa uma queda de 0,2% no comparativo com 2019. O faturamento foi de US$ 4,2 milhões, com redução de 13,1% em relação ao ano anterior. No recorte apenas do terceiro semestre de 2020 as exportações mato-grossense de aves somam US$ 28,9 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui