Política

Fávaro destaca relação com Bolsonaro

Da Redação

O senador e candidato à reeleição Carlos Fávaro (PSD) afirmou que se não fizesse parte da base de apoio do presidente Jair Bolsonaro poderia não ter conseguido aprovar a emenda de sua autoria que aumentou em 14 vezes o valor recebido pelos municípios de Mato Grosso para compensar os impactos da pandemia do novo coronavírus. O parlamentar visitou nesta sexta-feira (6) seis cidades para participar de eventos políticos.

A comitiva do senador visitou as cidades de Tabaporã, Marcelândia, Vera, Cláudia, Feliz Natal e Santa Carmem. Em cada um dos municípios recebeu o apoio de candidatos e da população, que reconheceu a atuação do parlamentar em 180 dias de mandato. “Faço parte da base do presidente Bolsonaro, tenho votado desde o início do meu mandato nos projetos importantes para o governo e meu partido faz parte do governo, inclusive com um ministro”, destacou o senador. Esta aproximação, prosseguiu Fávaro, foi fundamental para que o presidente sancionasse o texto com a emenda do senador.

Além da emenda que possibilitou a destinação de mais de R$ 2 bilhões a Mato Grosso, o trabalho de Fávaro enquanto secretário de Meio Ambiente foi lembrado e elogiado. “Foi quando ele foi secretário que as coisas funcionaram, a burocracia reduziu e pudemos nos desenvolver. Por isso eu voto e apoio o Fávaro”, salientou o candidato a prefeito e ex-gestor de Feliz Natal, Toni Dubiella (MDB).

Leia Também

Menu