Política

França é atraso e Abílio aventura, ataca Emanuel

JANAIARA SOARES


Gazeta Digital

Alvo de ataques por parte dos adversários, Emanuel Pinheiro (MDB), que busca a reeleição, decidiu revidar. Apesar de manter a linha mais propositiva no horário eleitoral, o marketing do prefeito tem aproveitado as inserções diárias para ‘ir para cima’ dos concorrentes.

O primeiro na mira é o vereador Abílio Junior (Pode). No vídeo, são apresentados supostos gastos do parlamentar na Câmara de Cuiabá. Quem narra o vídeo é o candidato a vice-prefeito José Roberto Stopa (PV).“Abílio jura que se for prefeito vai cortar gastos, mas é um vereador que gasta tudo que pode. Não economiza um centavo. Somando salário e verba indenizatória, ganha mais de R$ 34 mil por mês, só para ele”.

O candidato a vice ainda afirma que Abílio recebe verba de gabinete, no valor de R$ 48 mil, que é utilizada no pagamento de 14 funcionários. “Gasta toda a verba de gabinete, de R$ 48 mil, com 14 funcionários, só para ele. Imagina Abílio na prefeitura. Cuiabá não pode cair nessa aventura”.

Roberto França também foi alvo de Pinheiro. Após o patriota ter usando imagens de Emanuel guardando dinheiro no paletó, o prefeito revidou e em uma de suas inserções afirma que França é sinônimo de “atraso” e “velha política”. Isso porque o apresentador de TV é conhecido por ter atrasado salários durante a sua gestão, sendo processado por isso.

“Atraso de salários, coleta de lixo suspensa, Justiça determinando sequestro dos bens de França que já foi condenado duas vezes e perdeu os direitos políticos por improbidade administrativa e foi condenado a mais de 6 anos de prisão por causar prejuízos ao erário. Essa é a velha política, atraso de novo não”, diz Stopa, na narração.

França explicou em outra oportunidade que os atrasos eram referentes a gestões passadas. Emanuel tentou tirar do ar propaganda de França onde ele usou imagens do gestor que responde a ação judicial por indícios corrupção.

Leia Também