Política

França promete modernizar Alencastro

Da Redação

O candidato a prefeito de Cuaibá, Roberto França, se reuniu hoje com empresários e dirigentes da Associação Comercial e Empresarial da Região Centro Sul, que reúne comerciantes da avenida XV de Novembro e entorno. O candidato a prefeito pelo Patriota ouviu as reivindicações dos empresários e assegurou que vai reeditar a parceria positiva que implantou durante suas duas gestões como prefeito da Capital.

Os empresários destacaram a necessidade de melhorar o atendimento às demandas empresariais, hoje dificultadas pelo excesso de burocracia na prefeitura e a falta de receptividade dos gestores públicos municipais. O presidente da ACECS, Albano Bezerra, defendeu melhorias na infra-estrutura viária da região, como a implantação de calçadas com estacionamento em 45 graus, como existe na avenida do CPA, que favorecem o acesso aos estabelecimentos.

Esta demanda foi encaminhada ao atual prefeito, mas não foi atendida. Os comerciantes também pediram apoio junto ao governador para a melhoria da estrutura da segurança pública, com a implantação de um posto policial na região.

Roberto França afirmou que os empresários do comércio merecem todo respeito da prefeitura, pelo que representam para a economia da Capital em termos de arrecadação de impostos e geração de emprego e renda. “Vim aqui ouvir vocês, pois quero a participação do empresariado em meu secretariado e também no conselho que vou criar com participação das entidades do comércio e indústria. Sempre atuei em parceria com o empresariado e assim viabilizamos muitas melhorias para a cidade e para os comerciantes. Nesta região fizemos as quatro pistas da avenida XV de Novembro, entre tantas outras ações que contribuíram para o fortalecimento do comércio. E vamos repetir esta parceria positiva que gera ganhos para toda a comunidade”, assegurou.

França lembrou que seu plano de governo contempla a modernização das práticas administrativas de gestão, num diálogo franco e democrático com o empresariado e suas instituições representativas. Uma das metas principais é a modernização da estrutura administrativa da prefeitura, tornando a gestão municipal mais eficaz no atendimento às empresas e às pessoas. “Vamos facilitar a abertura de empresas, reduzindo as exigências burocráticas e agilizando os processos administrativos”, anunciou.

A simplificação envolverá, por exemplo, os alvarás para obras, alvo de reclamações recorrentes pela longa espera para a liberação, que gera prejuízos significativos aos empreendimentos.  “E não é só com os alvarás de obras, vamos implantar um sistema digital para todos os processos e procedimentos, com prazos definidos para a entrega das solicitações e obediência à ordem cronológica. Também vamos adequar o Código Tributário municipal à Lei de Liberdade Econômica, sancionada ano passado pelo presidente Bolsonaro, para facilitar o empreendedorismo no município”, disse França.

Outra proposta de grande interesse social é o programa PROGER de geração de emprego e renda para jovens e adultos no pós-pandemia. Através de convênios com o sistema S e outras organizações, serão oferecidos cursos de capacitação e de formação de jovens aprendizes.

Leia Também

Menu