Policial
Nenhum comentário

Homossexual morreu após beber e causar confusão em bar de Cuiabá

A Polícia Civil descartou crime de homofobia em relação ao assassinato de um homem homossexual de 29 anos, morto após ser espancado próximo a uma faculdade em Cuiabá no dia 31 de agosto.

Após acolhimento do depoimento de uma testemunha, que contou que a briga aconteceu por conta de uma bebedeira. O depoimento do rapaz diz que todos estavam bêbados e, após uma breve discussão, os envolvidos foram para fora do estabelecimento.

Imagens da câmera de monitoramento de um estabelecimento próximo de onde aconteceu o crime contribuíram com as investigações. Com o depoimento dessa testemunha, a polícia já conseguiu identificar os demais envolvidos, que serão ouvidos nos próximos dias.

O caso continua sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Leia Também

Menu