Internado há 13 dias com Covid, sargento tem parada cardíaca e morre em Cuiabá

Edvaldo tinha 58 anos e deixa uma filha

Da Redação

A Polícia Militar comunica o falecimento do 3º sargento Edvaldo Silva e Souza, de 58 anos, vítima da Covid-19, na madrugada deste domingo (28.06), no Pronto Socorro Municipal de Cuiabá. O militar ficou 13 dias internado em uma unidade de terapia intensiva (UTI), porém sofreu uma parada cardiovascular e não resistiu.

O Comando da PMMT informa que desde os primeiros sintomas acompanhou de perto o tratamento do policial, que descobriu a doença depois de passar mal em Rondonópolis. Sargento Souza ingressou nas fileiras da PM em 1981, atuou no 4º Comando Regional de Polícia Militar na cidade de Rondonópolis e, atualmente, estava na reserva remunerada e residia em Cuiabá.

O sargento era divorciado e deixa uma filha. O corpo será velado no Cemitério Lourencinho, na cidade de Rondonópolis.

A Polícia Militar e toda a tropa externa os pêsames aos familiares, amigos e colegas de farda pela irreparável perda de mais um policial bravo e atuante que deixa seu legado na instituição.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *