Política

Kalil vai implantar o Centro de Atendimento ao Turista no aeroporto de VG

Da Redação

Consciente do grande papel que o turismo representa no desenvolvimento socioeconômico, estimulando uma vasta cadeia produtiva formada por 52 segmentos da indústria, comércio de bens e serviços, o candidato a prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat (MDB), vai investir na potencialização dos atrativos turísticos da cidade. O primeiro passo para isso se torne realidade, será a instalação do Centro de Atendimento ao Turista (CAT) no aeroporto internacional Marechal Rondon.

A ideia é fazer com que o turista seja bem recebido logo no principal terminal aeroviário de Mato Grosso. E que ele permaneça o máximo de tempo possível na cidade, experimentando os atrativos que só Várzea Grande tem. “Da gastronomia, negócios, contemplação ao turismo de lazer. Não importa o motivo. O importante é que esse turista chegue e seja recebido com o típico calor humano do povo várzea-grandense. Sem falar na nossa culinária, danças típicas, artesanatos e paisagens lindas. O nosso povo tem muito a oferecer e, também, do que se orgulhar”, pontuou Kalil.

Pesquisa recente do Conselho Mundial de Turismo e Viagens (WTTC), o setor é responsável por um em cada 10 empregos no mundo. E Kalil aposta no justamente neste segmento à retomada econômica pós-pandemia. Para isso, o emedebista projeta, também, o fortalecimento e a restruturação da “Rota do Peixe”, famoso roteiro gastronômico que passa pelos Distritos da Passagem da Conceição, Limpo Grande, Bonsucesso, Souza Lima e Pai André.

Kalil considera o grande potencial de Várzea Grande para o turismo de negócios também, visto que a cidade possui uma boa estrutura hoteleira, shopping center, bares, restaurantes e locadoras de veículos. “Ainda falta um Centro de Convenções. E em nossa gestão vamos entregar esse espaço à sociedade de Várzea Grande, para que o turista chegue pelo nosso aeroporto, participe de congressos ou seminários e ainda permaneça aqui, na nossa cidade, contemplando o que ela tem de melhor a oferecer”, ponderou.

Várzea Grande foi inserida no ano passado no Mapa do Turismo, do Ministério do Turismo. Enquanto secretário de Desenvolvimento Econômico da gestão Lucimar Campos (DEM), Kalil trabalhou para que isso se torne realidade e considera importante tal inserção no contexto nacional, já que o setor é responsável por 10% do Produto Interno Bruto (PIB) mundial.

“Várzea Grande se destaca pelo calor humano. Pela receptividade. E, sem sombra de dúvidas, isso é um diferencial competitivo imenso. Porém, precisamos de muito mais para tornar essa capacidade instalada em produtos e serviços que encantem o turista doméstico e atraia o estrangeiro. A internacionalização e concessão do aeroporto Marechal Rondon caminham nesse sentido. Agora vamos seguir avançando nas mudanças iniciadas na gestão Lucimar. Várzea Grande é daqui pra melhor”, concluiu Kalil.

 

Leia Também