Morre arcebispo emérito de Cuiabá

Da Redação

O arcebispo emérito de Cuiabá, Dom Bonifácio Piccinini, 91, morreu na noite deste sábado (28)no Hospital Estadual Santa Casa. As causas da morte não foram reveladas.

Dom Bonifácio estava internado desde a última segunda-feira (23), quando foi levado para a Santa Casa. Inicialmente, ele foi levado para a UTI para fazer exames mais detalhados. Contudo, o quadro dele se agravou e neste sábado acabou falecendo.

Dom Bonifácio morava na Mitra Arquidiocesana, ao lado do Santuário Eucarístico Nossa Senhora do Bom Despacho, no alto do Morro do Seminário, com outros sacerdotes e Dom Milton. Foram os colegas que levaram Dom Bonifácio ao hospital.

Dom Bonifácio tinha mais de 45 anos de serviços prestados à comunidade católica em Mato Grosso.

Dom Bonifácio nasceu em 1929 no estado de Santa Catarina. Ele já morou em São Paulo e na Itália, onde estudou Filosofia e Teologia. Em quase quatro décadas, ajudou a ampliar a presença da Igreja Católica em Mato Grosso.

Dom Bonifácio era arcebispo emérito, ou seja, já superou a idade de 75 anos, que limita o exercício do ministério episcopal. Ele já participou da construção de mais de 200 igrejas em Mato Grosso.