Policial

Operação proíbe visitas na Gruta Lagoa Azul em Nobres

WhatsAppFacebookTwitterMessengerLinkedInCompartilhar
A Polícia Civil de Mato Grosso participou nesta segunda-feira (5) uma ação conjunta de fiscalização e repressão à visitação clandestina na Gruta Lagoa Azul, no município de Nobres (a 125 km de Cuiabá).

A ação foi realizada em parceria com o Ministério Público Estadual, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), e foi desencadeada após diversas denúncias de que guias turísticos estariam promovendo visitações clandestinas no local, gerando prejuízos ao meio ambiente.

Durante a operação, além de reprimir invasores no local, as equipes fizeram o mapeamento das rotas usadas pelos guias e turistas, e orientaram a comunidade local e empresários do turismo sobre as normas e os procedimentos para exploração econômica local.


Segundo o delegado de Nobres, Rogério Gomes, qualquer tipo de exploração econômica do ponto turístico deve estar em conformidade com o Plano De Manejo Espeleológico da Gruta Azul, localizada no Parque Estadual Gruta da lagoa Azul (PEGLA).

“Esse tipo de ação deve ser realizada até que a visitação seja regularizada”, disse o delegado.

Leia Também

Comentários