Cidades

Sistema penitenciário recebe equipamentos de proteção e munições

Da Redação

O Sistema Socioeducativo e o Penitenciário receberam nesta sexta-feira (12.03) equipamentos bélicos e de proteção individual para as atividades cotidianas nas unidades penais e socioeducativas do estado. As aquisições foram fruto de uma emenda parlamentar e de um repasse da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT).

O Sistema Socioeducativo recebeu munições ponto 40, de calibre 12 e munição menos que letal, além de agentes químicos. As munições de ponto 40 e de calibre 12 serão para utilização em caso de escoltas para garantir a segurança dos adolescentes. Já as munições menos que letal e os agentes químicos são para utilização dentro das unidades em casos extremos de motins ou rebeliões.

Para estes materiais foi destinado o valor R$ 101 mil, fruto da emenda parlamentar do deputado estadual João Batista.

Já para o Sistema Penitenciário, um repasse de R$ 187 mil da ALMT, capitaneado também pelo deputado João Batista, garantiu a aquisição de 60 atomizadores e kits de equipamentos de proteção individual, compostos por macacão e óculos, para garantir a segurança e desinfecção de todas as 48 unidades penais do estado.

Presente na entrega, o secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, destacou a parceria com a ALMT que somente neste ano propiciou a entrega de viaturas, a aquisição de equipamentos de biometria para a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e, desta vez, na aquisição de equipamentos para o socioeducativo e penitenciário.

“A Assembleia é uma grande parceira das forças de segurança e com o Socioeducativo e o Penitenciário não poderia ser diferente. E nós agradecemos o deputado João Batista, integrante da Comissão de Segurança da Assembleia, e os outros parlamentares, porque todos com sua parcela de contribuição tem trazido melhorias para o sistema de segurança”, pontuou Bustamante.

O deputado João Batista destacou a atuação da ALMT como parceira do Governo do Estado, lembrando que a Casa de Leis conseguiu gerar uma economia de R$ 80 milhões que foram devolvidos ao Estado proporcionando melhorias principalmente para a educação, saúde e segurança.

“Com essa economia, eu e os demais deputados que somos da área de segurança pública, estamos aproveitando estes recursos devolvidos para aplicar nas nossas instituições. Vamos continuar este trabalho nestes dois anos que ainda temos e com certeza podem contar conosco”, disse o deputado estadual.

Leia Também

Menu