CidadesSaúde

União retira 45 leitos de UTI Covid em MT

G1-MT

O Ministério da Saúde retirou 45 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com Covid-19 em Mato Grosso, após corte de orçamento de governo federal.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), em dezembro de 2020, Mato Grosso tinha 210 leitos de UTI Covid-19 habilitados pelo governo federal. Em janeiro de 2021, esse número era de 165 leitos.

O governo federal repassa aos Fundos Municipais e Estadual de Saúde R$ 1.600 por dia por cada leito habilitado.

Para suprir a demanda crescente de pacientes internados por causa da Covid-19 no estado, a SES habilitou 30 novos leitos neste mês, sendo dez na Santa Casa em Cuiabá, dez no Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, e dez no Hospital São Lucas, em Primavera do Leste, que deverão atender pacientes de 19 municípios no Sul do estado.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto em Mato Grosso está em 68% e dos leitos de enfermaria está em 34%. Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 288 internações em UTIs públicas e 296 em enfermarias públicas.

Desde o início da pandemia, até esta segunda-feira (15), 234.154 casos já foram confirmados em Mato Grosso e 5.485 pessoas morreram em decorrência do novo coronavírus no estado.

Leia Também

Menu