CidadesSaúde

Vaquinha vai custear tratamento de mecânico que venceu a Covid em MT

G1-MT

Familiares do mecânico Thiago Ferreira de Azevedo, de 31 anos, que teve sequelas da Covid-19 e está em estado vegetativo, criaram uma vaquinha online para comprar produtos de uso diário como alimentos e medicamentos.

O irmão dele, Bruno Ferreira de Azevedo, contou que a vida do mecânico mudou totalmente desde o mês de março deste ano.

Segundo ele, tudo começou quando Thiago teve alguns sintomas leves de gripe. Depois, ele teve dificuldades para se locomover e respirar.

A família afirmou que, mesmo com esses sintomas, pensou que não seria nada grave.

Dias depois, o mecânico foi internado em um hospital particular de Cuiabá com 75% do pulmão comprometido. Thiago precisou ser transferido para outra unidade de saúde, pois o comprometimento do pulmão avançou e chegou a 90%. Durante a internação, ele também sofreu uma parada cardiorrespiratória.

Ao g1, o irmão de Thiago disse que a situação pegou toda a família de surpresa. Isso porque, o mecânico, que tem um filho de três anos, tinha a saúde perfeita antes de ficar acamado, fazia exames de rotina, e, além disso, não bebia e nem fumava. “Nesses momentos chegamos até a pensar o porquê de isso acontecer na nossa família. Nós não achamos que a Covid-19 fosse chegar nesse ponto. Não achamos que essa doença tinha tantas sequelas. Mesmo assim, temos a esperança de que ele apresente melhoras em relação ao estado de saúde”, contou.

Atualmente, em estado vegetativo, o mecânico esboça poucas reações. Segundo Bruno, ele toma água lentamente, mas, por estar fazendo fisioterapia, acreditam na melhora.

A família pede doações de materiais de construção para adaptações em uma casa em que o mecânico vive hoje sob os cuidados da mãe.

Outro meio de ajuda é através de uma vaquinha que tem por objetivo arrecadar R$ 10 mil para o pagamento de todos os custos com medicamento, alimentação e outros produtos necessários para a recuperação de Thiago.

Leia Também

Menu